Sou_Homossexual_Posso_Pegar_ou_Passar_Corrimento_As_Minhas_Parceiras

Sou Homossexual. Posso Pegar ou Passar Corrimento às Minhas Parceiras?

Vamos falar um pouquinho sobre homossexualidade e corrimentos vaginais?

Primeiramente, gostaria de ressaltar que o uso de preservativo é indispensável para prevenção de doenças sexualmente transmissíveis (DST’s) como por exemplo o HIV e o HPV.

Tá! Mas o assunto de hoje é falar de corrimentos femininos que não são DST’s mas que podem ser transmitidos de mulher para mulher.

LIRAH RESPONDE:

A flora vaginal feminina é constituída por uma gama enorme de microorganismos mas dois são os principais: a cândida (fungo) e a gardnerella (bactéria). Eles são os maiores responsáveis pela proteção vaginal, em especial a cândida – já que a vagina tem ph ácido. Pois bem, uma vez que mulheres se relacionam sexualmente, elas compartilham estes microorganismos. Sendo assim, apesar de não serem consideradas DST’s, eles podem ser transmitidos e causar corrimento vaginal na parceira.

Outro ponto relevante é uso de produtos eróticos. Isso mesmo! É muito comum que as parceiras os compartilhem durante o ato sexual. O ideal é que antes de ser usado pela parceira, o objeto seja higienizado em água corrente para evitar a transmissão destes mircoorganismos. Neste caso, recomendamos que procure seu ginecologista de confiança para ser examinada. O tratamento é simples e eficaz!!

Faça sexo seguro e cuide de sua saúde preventivamente.

Compartilhe este post

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email
Clinica-Lirah-Endometriose

O que é Endometriose?

A endometriose é uma condição em que o endométrio (tecido que reveste o útero) cresce em outras regiões do corpo. Geralmente o tecido começa a crescer em outras partes da região pélvica…

Leia Mais »